Sexta-feira, 06 de Março de 2009

Ontem vivi!

Hoje sobrevivo!

Amanhã? … Não sei!


O futuro é uma incógnita constante,

É uma incerteza certa!

O que ontem amei,

Amanhã … Não sei!


A passos largos e rápidos

Penetro num tempo desconhecido.

O descontrolo é total

E o sentimento é perdido!


É, inconscientemente, ter a certeza

Que quanto mais caminho

Mais perdido me acho,

Mas não me repudio e avanço!


Vejo luz!

Intensa, ofuscante, inspiradora!

E ao fundo, iluminada,

Uma deusa debruçada sobre um poço!


Ela é o futuro!

E agora que a vejo o meu rosto se alegra

Pois o futuro nada de nefasto me reserva.


Foto: O futuro de Regina Santana



Publicado por Sandro M. Gomes às 20:32
Uma aventura nada arriscada pelo mundo da poesia. Entra e instala-te, deixa que em ti flua, de modo sensato, o espírito e a inspiração poética.
mais sobre mim
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13

15
16
17
19
20
21

22
24
25
27
28

29
30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO