Domingo, 03 de Fevereiro de 2008


Ter-te é o que mais desejo,
Ser teu é o mais alegre dos castigos,
Contigo quero viajar por esse mundo,
Perdidos, talvez; juntos, certamente.

Certo é também o que sinto por ti,
Nunca nada semelhante foi experimentado por mim,
Até receio tenho de te mostrar o que sinto,
Pois medo tenho de não te vir a ter.

Triste ficarei se tal não conseguir,
Morrerei se não te puder seguir
Para onde tu me quiseres levar,
Pois enfim juntos, somos capazes de amar.


Publicado por Sandro M. Gomes às 09:25
Uma aventura nada arriscada pelo mundo da poesia. Entra e instala-te, deixa que em ti flua, de modo sensato, o espírito e a inspiração poética.
mais sobre mim
Fevereiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
15
16

17
18
20
21
23

24
26
27
29


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO