Quarta-feira, 03 de Dezembro de 2008

Por mais traiçoeiro que o tempo seja,

Pela distância que tende a acentuar-se entre nós,

Nunca me esqueças…


Quero fazer parte da tua história,

Quero ser um capítulo da tua vida,

Uma lembrança que recordes a todo o tempo.

Quero ser parte de ti.


Nada te posso exigir,

Espero que o faças de livre vontade.

E que as nossas vontades sejam compatíveis,

Coexistam em plena graciosidade…


Sempre que estou consciente

Desejo co-habitar contigo o mesmo espaço,

Quando o inconsciente me domina

Aterrorizo-me com o medo de te perder…


Acordo bem cedo todas as manhãs

Com o desejo ardente de sentir o teu doce beijo…

Ao deitar deixo votos de contigo sonhar

E esperar poder despertar para mais um dia a teu lado…


Eu não te consigo esquecer,

Transporto-te, em mim, para todo o lado.

Só te peço que nunca, mas nunca…

Nunca te esqueças de mim.



Publicado por Sandro M. Gomes às 20:50
Uma aventura nada arriscada pelo mundo da poesia. Entra e instala-te, deixa que em ti flua, de modo sensato, o espírito e a inspiração poética.
mais sobre mim
Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO